Sábado, 29 de Novembro de 2008

meu

 

Meu: tenho de me ''deitar cedo''

Madalena: o meu menino tem de se deitar cedinho. LOL. amanha tens jogo onde?

Meu: pois pelo menos é o que ele diz. Aqui em portimao. Mas nao vas, nao quero que apanhes chuva. (como é que alguem resiste a isto?)

Madalena: LOOL, ohh que querido

Meu: e ja avisaram k o jogo vai ser "bonito"

Madalena: Ohh eu adoro ver os teus jogos, e gritar por ti

Meu: o campo vai tar inundado so me vais ver a mim e aos outros a cair. O mister disse pa levar pitoes de aluminio, por isso ve la.

Madalena: Entao é melhor nao ir, ainda me salta o coraçao. ver o meu menino a cair é que nao pode ser.

meu: pois, e posso ficar lesionado. em varios sitios. (varios sitios? shit --')

Madalena: Isso condiciona o teu desempenho sexual ? (diz que nao, diz que nao.)

Meu: depende do sitio (uffa)

Madalena: merda, espero que nao te lesiones. 

Meu: tu e eu. 

 

 

ADORO-TE por isto e por tudo =D

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

sinto-me:
tags:
publicado por Mads às 23:39
link | comentar | ver comentários (11) | favorito

.

Voluntariado olé olé =D

 

Tudo voltou ao que era.

 

 

publicado por Mads às 20:40
link | comentar | favorito
Terça-feira, 18 de Novembro de 2008

.

Como é que é possivel mudarem tanto em tao pouco tempo?

Bastou uma saida à noite para apartir dai tudo mudar. A minha S e a minha B mudaram num piscar de olhos. Eu ja nao tenho as amigas que tinha antes. Elas parece que ja nem confiam em mim e eu ja nem me sinto bm ao pe delas. Por isso afasto-me. Por isso ando eu e o meu belo Ipod sempre nos ouvidos. Por isso so me riu com o meu melhor amigo e por isso comecei a vir almoçar a casa para passar menos tempo na escola. Por isso em ET ja nao vou para ao pe delas, pq elas estam futeis. Pq agora começaram a fumar e a B acha-se muito importante. Porque agora a B mente ao pais a torto e a direito, a minha mae sempre disse que a B mentia muito e eu sempre lhe disse que nao, mas agora.. agora concordo com a minha mae em tudo. Que os amigos de hoje nao sao amigos de amanha. Mas elas sempre foram as minha melhores amigas... sempre fomos um "grupo" de 5 raparigas, a M nao me dou muito bem, secalhar por ter um feitio tao parecido ao meu, a J sempre foi a que soube de tudo ate à ultima, mas essa sempre foi mt desinibida e sempre soube ter muitas amizades, portanto no meio disto tudo a unica que continua a confiar em mim é essaa, a S está parva, nao sei, sempre foi a minha companheira do desporto e das conversas de horas, mas agr nunca mais tivemos uma conversa de 5 minutos sequer, a B sempre foi muito "revolution" sempre gostou de se meter com os rapazes mas agora parece esta insuportavel e pensa que tem sempre razao e que é a d. do mundo.

O melhor amigo da B esta chocado com ela. Eu estou chocada com elas (B e S). Acabaram-se as tardes na baixa com a B e as tardes de corridas e steps e nataçoes com a S.

 

Esta-se a acabar tudo. Nisto tudo ando mais com a M... Partilhamos a mesma opiniao, mas eu nao me sinto bem com ela. Estouu fora de tudo, fora do mundo. E so me sinto bem com o P (melhor amigo).

 

Parei de sair com eles, pq acho que ja nao esta altura de andarmos pela rua sem destino à noite, esta frio entre outras coisas. Quero tudo como era o ano passado! Ou entao como era no verao.

 

Quero as minhas melhores amigas de volta.

 

No meio disto tudo sera que sao elas ou eu que estou a mudar?!

 

 

 

sinto-me: deserto cheio de agua
tags:
publicado por Mads às 21:32
link | comentar | ver comentários (3) | favorito
Quarta-feira, 12 de Novembro de 2008

amor

A minha stora de portugues mandou-nos fazer um texto sobre o que era o amor, e o que significava para nos. E entao decidi fazer um post com ele:

 

_Achei giro depois de tudo o que se passou na minha vida fazer um texto sobre: o que é o amor.

Fui ao dicionário… encontrei significados. E embora ache que o amor varia de pessoa para pessoa e de coisa para coisa, fiz a minha própria definição do amor.
Uma coisa é certa, o amor pode ser um sentimento bom, até óptimo. Mas quando acaba o amor é péssimo, fica-nos uma saudade enorme daqueles bons tempos.
 
O amor é muito fácil de começar, podemos nos apaixonar por momentos, por uma coisa, um olhar, mas as vezes é muito difícil de terminar.
O amor provoca dor, magoa, frustaçao, angustia, sofrimento, medo, infelicidade, esperança, mas o amor é a melhor coisa do mundo. Ninguém vive sem amor. Amor é carinho, é felicidade, mimos…
 
Eu sinto amor por todos os meus amigos, sinto um carinho especial por todos eles, cada um é importante, se eu os perde-se ia sentir dor, sofrimento, infelicidade, frustração e como eu referi la em cima acho que o amor é isso..
 
O amor é bom, é bom termos a pessoa que gostamos do nosso lado… dá-nos prendas, faz-nos surpresas, diz-nos coisas bonitas, leva-nos a passear, tenta o melhor dela. Mas depois quando o bom do amor acaba vem a parte má, que é a superar tudo o que foi vivido com essa pessoa, como é que se ultrapassa o passado se ele vai estar sempre presente nas nossas vidas? Vamos sofrer, ter saudades (que é o pior, porque dói e faz-nos chorar), mas com o tempo tudo passa e o amor vai-se desvanecendo. E ficam apenas aquelas recordações.
 
O amor não tem defeniçao, porque é incerto.
Amor
Dizem, bom sentimento, mas vejo provocar dor
Comparam com felicidade, outros com uma alhada
Nunca ouvi falar de amor sem um lagrima derramada
E Desejam / planejam, ser Romeu e Julieta
No entanto nesta história, esquecem uma faceta
Tragédia no final, o amor tem um problema
Não são apenas palavras bonitas de um poema
É um sentimento complexo, difícil de perceber
Causador de sofrimento ou boa razão para viver
 
Quis tentar perceber, pesquisei o que é amor
Num poema percebi, é sinónimo de dor
Noutro percebi, é gostar muito de alguém
E ao pesquisar percebi a ambiguidade que tem
Segundo Platão, perigosa doença mental
Tantos os significados, o que o amor afinal?
Causador de insónias, causador de tristeza
Cura de todos males, mas também pior doença
Segundo Ghandi a força mais subtil do mundo
Capaz de deixar qualquer um vagabundo

Musica: Dama Bete (não gosto da musica, mas achei a letra muito adequada)
sinto-me: -
música: -
publicado por Mads às 21:29
link | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 2 de Outubro de 2008

odeio titulos

“… sabes eu sei o que tu sentes. Tu não queres senti-lo, porque pensas ou sabes ou sentes que ele não gosta de ti, porque ele até se mete contigo e até te dá esperanças, mas no fundo tu vês e sabes que ele parece que te faz o mesmo que faz a todas. Mas secalhar sem tu saberes não faz. Tu sabes, que secalhar essa relação nunca irá acontecer ou até poderia acontecer mas não resultar, ele atrai-te é certo e quando estás na escola só queres passar por ele e mandar-lhe bocas, porque sabes que quanto mais o provocas mais ele te provoca, e quando voces se provocam surge aquele clima. Eu sei que tu sabes que sentes aquilo, mesmo que não me digas, mesmo que mantenhas isso em segredo, mesmo que não queiras admitir eu sei que é isso que sentes. E sei que tu gostas daquelas provocações e daquela maneira de ele ser contigo. Porque ele para ti é o tipo de rapaz que tu nunca te irias apaixonar e que tu nunca irias gostar, mas olha saiu-te o tiro pela colatra, porque tu apaixonaste-te. E por isso odeias-o e adoras-o. Por isso sempre que se vêem é inevitável ele não te abraçar, porque ele sabe que assim te provoca, por isso sempre que ele te vê é inevitável ele não te provocar como provoca. Porque tu gostas que ele te provoque, por isso para não te entregares assim tão facilmente e não deixares que se apercebam que tu sentes aquela coisa por ele tu provocas-o mais, porque assim ele vai fazer sempre o mesmo. O que tu fazes ou tentas fazer é lutar contra o sentimento… E mesmo assim, mesmo tu provocando-o, mesmo tu fazeres cara de chateada quando estas com ele, mesmo tu andando sempre as turras com ele, toda agente já se apercebeu que entre tu e ele existe sentimento. Mas mesmo assim tu negas-o. Mesmo passando metade do teu dia a falar dele e a pensar nele. Porque sim, eu sei que tu pensas nele…”

 
E agora se eu disser que o tu sou eu? No fundo, no fundo eu tenho medo de sentir isto por ti. Porque sei que tu so me queres para brincar.
E eu secalhar nao te quero para a brincadeira.
 
xxx
sinto-me:
música: The Scientist - Coldplay
publicado por Mads às 20:56
link | comentar | ver comentários (6) | favorito
Segunda-feira, 29 de Setembro de 2008

Morte

Vou começar com o mau tema, que deve "assustar" grande parte das pessoas...

Pelo menos a mim assusta-me, perdi um grande amigo, aqueles amigos que estas sempre, que acampas com ele, que vais para casa dele depois da escola, que os pais sao amigos de longa data, com 9 anos.

E desde ai percebi que as tragedias n acontecem só aos outros,perdi duas pessoas, o meu amigo, e o pai do meu amigo. Mexeu muito comigo, foi uma coisa tao inesperada... Bastou uma estrada, um carro, e uma valeta. A mae dele, sobreviveu, saiu do carro apenas com um arranhao! E ele e o pai morreram.

Quando eu soube disto, chorei dias e dias e dias, tiveram de me dar calmantes, pq eu n dormia.

Eu adorava aquele rapaz, era um anjo, nao fazia mal a ninguem, estava sempre na dele, brincava com legos e jogava game boy, sempre que ia a casa dele fartava-me de brincar com ele e corriamos, e brincavamos com a cadela dele, e iamos para a cave construir merdinhas com os legos, ver cartoon network. E num dia dizem-me que ele morreu, que tinha morrido  num acidente de carro, eu fiquei chocada, nao quis de maneira nenhuma acreditar, como é q era possivel o MEU amigo ter morrido assim?

Apartir dessa altura... em que ia fazer os meus 10 anos e que ia para o 5ºano, percebi-me que aquilo que por vezes aparece no telejornal as vezes pode acontecer conosco, com amigos nossos.

Aprendi tanto.

 

Hoje já passaram 4/5 anos, e continuo a adora-lo, a me lembrar da cara dele e dos momentos que passei com ele.

 

Ah, e para mais nas ferias conheci um rapaz que morava ligeiramente perto de mim, estavamos no mesmo parque de campismo, eu mais umas amigas minhas e conhecemos ele e um amigo dele.. Resultado: Dias mais tarde recebo a noticia de que esse meu amigo do campismo tinha sido encontrado morto na casa de banho do proprio quarto. Ele era um miudo saudavel, era super alegre, andava de sk8...

 

Agora como é que querem que eu acredite que nao estou rodeada pela morte se já me morreram dois amigos, da "minha idade" sem qualquer problema?! É que eles nem foi por doença, foi morte instantanea! Nao tiveram de andar em tratamentos disto ou de aquilo, nem tinha 60% probabilidades de morrer! Simplesmente morreram por causas estupidas, um por acidente de automovel e o outro por uma possivel queda de sk8 em que bateu com a cabeça e nao foi ao hospital tratar, aquilo piorou a meio da noite, ficou mal e casa de banho, lá morreu e lá foi encontrado :/ .

Coisas que me podiam ter acontecido a mim ou a qualquer pessoa.

 

PS- Nao, nao sou daquelas que anda sempre de preto, nem sou emo, nem tenho franja nem sigo modas, nem ando por ai na vida louca... Sou umas pessoa de aparencia totalmente normal e feliz, apenas com um passado um bocadinho complicado, mas secalhar necessario para aprender que tudo na vida é possivel :/

 

XXX

 

 

 

música: Together - Avril
publicado por Mads às 21:27
link | comentar | ver comentários (3) | favorito
Domingo, 28 de Setembro de 2008

Me

Olá. Não sei como começar este post =S

Bom, vou começar pelo inicio:

Chamo-me Madalena, tenho 13 anos, ando no 9ºano, faço anos no 31 de Outubro, sim no dia de Halloween... Nao faço a minima do que ser quando for grande e tambem nao me preocupa muito, pq acho que ainda tenho tempo embora saiba que até já nao tenha muito.

Adoro desporto, já pratiquei de tudo, e já desisti de todos, porque nunca foram aqueles desportos (L) ... Só á pouco menos de 2 anos é que descobri o meu verdadeiro interesse: patins, inline wherever... Sim, sou daquelas que ando de "rampa" em "rampa" e que dá aqueles saltos que quando os avozinhos e a maezinha vêem ficam com o coraçao nas maos.

Mas nao me interessa tenho paixao aquilo e adoroo mesmo. Tambem "ando" na nataçao, mas prontos, nao é nada de mais, nado de vez em quando e tá, é so mesmo para desaliviar o stress no final de um dia de escolinha secante =D

Tratam-me por Mads, sou uma aluna razoavel. E tenho tido os meus altos em baixos em tudo na vida.

Só tenho 13 aninhos, quase nos 14, mas considero-me muito matura, pois a vida tem-me ensinado muito.

 

 

E por hoje está tudo. Amanha á mais.

Espero que venham a gostar.

 

Não sei bem o que vou fazer por estas bandas, mas logo se verá com o decorrer do tempo.

 

 

 

sinto-me: happy
tags:
publicado por Mads às 22:12
link | comentar | ver comentários (4) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.posts recentes

. meu

. .

. .

. amor

. odeio titulos

. Morte

. Me

.arquivos

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO
Em destaque no SAPO Blogs
pub